Os segredos da redação de bons parágrafos

Uma vez que o estudante de um curso de redação tenha dominado os fundamentos da composição de boas frases, o desafio seguinte é aprender a estruturar essas frases em parágrafos. Intuitivamente, o estudante sabe que os parágrafos que se apresentam como longos “blocos” de texto intimidam o leitor, dificultam a leitura e retardam a compreensão da mensagem. Por outro lado,…
Leia mais...

Seis regras para obter sucesso em um curso de redação

Muitas das pessoas que se matriculam em um curso de redação se queixam de que continuam experimentando dificuldades para escrever mesmo após completar o programa. Embora o curso escolhido possa ter sua parcela de responsabilidade sobre esse resultado, é conveniente verificar se o estudante realmente cumpriu sua parte, efetuando todos os esforços imprescindíveis à absorção do conteúdo e das técnicas…
Leia mais...

Como desenvolver bem o tema de sua redação

Os cursos de redação tradicionais tendem a dirigir excessiva atenção à escolha do tema. Uma expressiva parcela dos esforços dos estudantes nos cursinhos preparatórios para vestibulares e concursos públicos é orientada pela intenção de abranger o maior número possível de temas considerados “prováveis”. Esse exercício de adivinhação é tão enganoso quanto contraproducente, pois gera no candidato uma falsa sensação de…
Leia mais...

A polêmica do aborto e o significado da voz passiva

Um cartaz contendo dizeres extravagantes em uma recente manifestação pró-abortista suscitou intensa polêmica nas redes sociais, opondo os partidários da legalização aos grupos “pró-vida”, isto é, radicalmente hostis à prática do aborto. O cartaz, concebido por um grupo ativista cognominado “Católicas pelo Direito de Decidir”, estampava em destaque os seguintes dizeres: “Até Maria foi consultada para ser mãe de Deus…
Leia mais...

Preconceito linguístico? (Redação de aluno do curso)

Nota do editor: Gustavo Antonio Noronha Lima é um jovem aluno deste curso online de Redação que obteve recentemente sua licenciatura em Letras. Ele produziu, na lição 73, um excelente artigo sobre tema polêmico e pertinente ao tema deste curso − o "preconceito linguístico" − e autorizou-me a publicá-lo neste blog. Observe que, como se trata de artigo assinado, os argumentos…
Leia mais...

Como encontrar o sinônimo certo de uma palavra desconhecida

Você sabe por que os dicionários registram tantos sinônimos diferentes para cada palavra que você consulta? Assinale a opção correta: Opção A: Porque são todas palavras equivalentes, igualmente intercambiáveis em todas as situações. Opção B: Porque cada uma dessas palavras tem, em sua origem, um significado próprio, sendo intercambiáveis apenas em situações em que seu sentido seja perfeitamente equivalente. É…
Leia mais...

Reler e reescrever: uma questão de respeito

A pessoas vêm a este curso online de redação porque desejam aprender a escrever. Mas alguns se surpreendem quando digo que 50% ou mais do ato de escrever consiste, em verdade, no trabalho de reescrever. Como se escreve um texto, uma "redação"? Vejamos um passo a passo descritivo  – isto é, que não entra em detalhes quanto a motivos, razões,…
Leia mais...

Atenção ao enunciado!

Todo professor pode testemunhar que um dos erros mais frequentes encontrados durante a correção de provas e exercícios é a desobediência ao enunciado da questão. Em termos simples, o enunciado pede uma coisa e o estudante faz outra, um erro que se torna ainda mais doloroso quando o estudante redige uma resposta perfeitamente Para o exercício errado! É extremamente importante…
Leia mais...

Reflexões livres sobre o trabalho de tradução

Fui contratado, há pouco tempo, para traduzir uma obra literária. Trata-se de um desafio muitíssimo interessante que suscitou em mim uma miríade de reflexões sobre o ato de escrever porque o ofício de “traduzir” se manifesta, na prática, como a recriação de uma obra existente em idioma diverso do original. De fato, o que todo tradutor deseja é reproduzir, tão…
Leia mais...

Vocabulário: você entende o que você mesmo escreve?

A pergunta do título - "Você entende o que você mesmo escreve?" - parece tola, talvez até ofensiva. Afinal, todos sabemos o que queremos dizer quando escrevemos um texto qualquer - pelo menos, durante a maior parte do tempo. O problema para o qual desejo chamar sua atenção não se refere ao que você "quis" dizer, mas ao que você efetivamente "disse" ao escolher certas…
Leia mais...